FAN PAGE

quarta-feira, 27 de novembro de 2013

Esqueceu da BR 280

 BR-280 em São Francisco do Sul

A fala da presidente Dilma Rousseff durante cerimônia em São Francisco do Sul, Norte de SC, parecia caminhar para uma solução em relação aos conhecidos problemas da BR-280, no Norte de SC, mas acabou frustrando quem aguardava por algum anúncio sobre a duplicação.
 
Dilma ressaltou que 'além de portos, também é preciso rodovias', mas não citou o trecho que liga as cidades do Norte Catarinense. A presidente falou que foi aberta licitação para duplicação de uma rodovia no Mato Grosso.
 
Luiz Zera, prefeito de São Francisco, também não citou a espera por licitação na rodovia durante seu discurso. Dilma destacou a importância do porto em relação à economia, já que ele é o segundo do País no transporte de grãos.
 
Após encerrar o cerimonial em São Francisco do Sul, a presidente Dilma Rousseff falou rapidamente com jornalistas. Questionada sobre a necessidade da duplicação da BR-280, a presidente pediu ajuda ao governador Raimundo Colombo para numerar as principais rodovias do Estado e disse que “todas elas são importantes”.
 
Os catarinenses aguardam há anos a duplicação da rodovia no trecho entre Jaraguá do Sul e São Francisco do Sul, em Santa Catarina, que também prevê mudança no seu traçado, que deixará de passar pelo perímetro urbano central de Jaraguá do Sul, voltando a ser pista única próximo da divisa deste município com Corupá.
 
BR-280
A BR-280 é uma rodovia transversal brasileira. Tem início na cidade catarinense de São Francisco do Sul e término na cidade catarinense de Dionísio Cerqueira, na fronteira com a Argentina. O total de sua extensão é de aproximadamente 634,1 Km.

Partindo de São Francisco do Sul, atravessa cidades importantes do extremo norte de Santa Catarina, como Joinville, Jaraguá do Sul, São Bento do Sul, Rio Negrinho, Mafra, Canoinhas e Porto União até o estado de Paraná, na qual pecorre-se o extremo sul desse estado, atravessando outros importantes municípios como Pato Branco, Palmas, Francisco Beltrão e Clevelândia.

Atravessa a BR-163 a poucos quilômetros da divisa da Argentina, próximos aos municípios de Dionísio Cerqueira (SC) e Barracão (PR), a BR-153, na altura de União da Vitória (PR), a BR-116 em Mafra (SC) e a BR-101 em Joinville (SC). No trecho leste cruza com algumas rodovias estaduais catarinenses, como a SC-301 em Araquari e São Bento do Sul, a SC-416 em Jaraguá do Sul, a SC-413 em Guaramirim, e a SC-422 em Rio Negrinho, dentre outras.
 
A rodovia é muito importante na região para o escoamento das safras agrícolas e produtos industrializados, sobretudo, para o Porto de São Francisco do Sul (SC).

Um de seus trechos mais críticos é a Serra do Mar, em Corupá, com constantes deslizamentos de terra nas épocas de chuvas.

No município de Mafra, a rodovia chega a uma altitude de quase mil metros acima do nível do mar.
 

Nenhum comentário:

Postar um comentário